Superando as adversidades, prefeitura paga salário de julho a servidores

0

Lutando contra adversidades, como queda de arrecadação, e o pior repasse dos royalties e Participação Especial da história, nessa terça-feira o Governo Rafael Diniz inicia o pagamento do salário de julho dos servidores municipais.

A Prefeitura de Campos inicia nesta terça-feira (11) o pagamento dos servidores referente ao mês de julho. Um novo cronograma de pagamento foi estabelecido diante do cenário de queda de repasses oriundos das receitas de petróleo e da arrecadação própria neste período de pandemia. Este ano, Campos recebeu o pior repasse de royalties e Participação Especial da história do município. Em comparação a 2019, até julho deste ano, o município já acumula perdas superiores a R$ 150 milhões, somente em royalties e PEs. Ao mesmo tempo, a folha de pagamento dos servidores é de R$ 73,2 milhões — sendo R$ 15,3 milhões destinados a aposentados e pensionistas do PreviCampos — Instituto de Previdência dos Servidores Públicos de Campos.

Ao longo desta terça-feira, quinto dia útil do mês, recebem servidores da Saúde e da Educação. Os servidores das demais pastas receberão seus vencimentos sexta-feira (14). A Secretaria Municipal de Fazenda aguarda o repasse da Participação Especial, previsto para os próximos dias, para definir os repasses ao PreviCampos.

O ano de 2020 tem sido de recordes negativos nas receitas do município, cenário agravado pela pandemia de coronavírus. Nas receitas próprias, até julho, a queda de arrecadação própria chega até 56%. Já nas receitas do petróleo, em junho, Campos recebeu o menor repasse em royalties dos últimos 18 anos — 9.837.674,93. Em maio, foi o menor repasse de PE de sua história — R$ 1,1 milhão. Em julho, o repasse de royalties foi o terceiro menor nos últimos 16 anos. Os R$ 17.841.418,65 representaram redução de 49,11% em relação ao mesmo mês do ano passado, quando o Município recebeu R$ 34.994.719.

Com informações da Secon / PMCG

NENHUM COMENTÁRIO