Minha cidade meu desamor… Rosinha preferiu ficar de tornozeleira no Rio.

0

Após uma semana presa, a ex-prefeita Rosinha Garotinho, apesar do slogan “Minha Cidade Meu Amor”, que usava à frente da prefeitura de Campos, ao ser libertada da cadeia de Benfica por força de uma habeas corpus parcial com imposição medidas cautelares, como monitoramento por tornozeleira eletrônica, e recolhimento em casa, originalmente na “casinha da Lapa”, em Campos, à noite e nos finais de semana, preferiu ficar em seu big apartamento do Flamengo, na zona sul do Rio de Janeiro.

Um fora, outro dentro

dentro-fora-capa-xxx

A ex-prefeita Rosinha e seu marido Garotinho foram presos pela “Operação Caixa D’Água” da Polícia Federal por acusações de crimes eleitorais, corrupção e organização criminosa.

Os mesmos desembargadores que aprovaram por unanimidade o habeas corpus para Rosinha, negaram o benefício para Garotinho.

Rosinha-peixe-boca-x
Fotomontagem Somos Online

Boca fechada não entra mosca

Segundo a desembargadora eleitoral Cristiane Frota, no caso de Rosinha “há evidências concretas de condutas ofensivas às investigações perpetradas por outros membros da organização, mas na há o liame entre tais condutas e ação efetiva da ré”…

Ou seja, quanto menos Rosinha falar, melhor para ela. Caso resolva novamente atacar as autoridades processuais e investigadoras estará assumindo o risco de voltar ao regime fechado.

Confiando no TSE

O advogado de Garotinho declarou que: ‘isso é bom, o que se tem visto nas prisões de Garotinho é que elas são revogadas no TSE’.

Pode ser que sim, pode ser que não…

O Somos Online vai aguardar para conferir.

NENHUM COMENTÁRIO