Pesquisa diz que 65% dos brasileiros são favoráveis ao adiamento das eleições

0

O Instituto Paraná Pesquisas ouviu 2.280 eleitores em 230 municípios dos 26 estados e no Distrito Federal, revelando que 65,3% dos brasileiros são favoráveis ao adiamento das eleições municipais. Segundo os ouvidos, o pleito deveria ser adiado para dezembro.

Comissão mista decidirá

A pandemia já obrigou 47 países a adiar as suas eleições, mas treze optaram por mantê-las, entre eles o Brasil, mas com a aproximação das eleições brasileiras de outubro a decisão parece ser óbvia. Até o fim de junho, uma comissão formada pela Câmara e pelo Senado decidirá a questão.

Caso se decida pela alteração do calendário, será preciso que o Congresso aprove uma proposta de emenda constitucional: “Se for necessário, nós nos comprometemos a votar a PEC em uma semana”, diz um dos integrantes da comissão, o senador Weverton Rocha (PDT-MA).

Sem biometria

O recém-empossado presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Luís Roberto Barroso tem ouvido epidemiologistas para tentar prever a situação da pandemia nas próximas semanas, pois tem urgência em definir alguns trâmites técnicos, como o envio de servidores aos estados para testar as urnas eletrônicas, um passo corriqueiro que será mais difícil na atual situação. Alternativas têm sido levadas ao TSE por especialistas, como a possibilidade de manter a eleição nas datas previstas, mas com as seções em horário estendido para reduzir aglomerações e a suspensão da biometria para evitar o contato direto entre eleitores e mesários.

Prefeitos com bom enfrentamento da Covid-19 com mais chances de reeleição

Instituto Paraná Pesquisas também aponta que para quase 62% dos brasileiros, prefeito que lida bem com o surto do vírus é favorito para vencer

 

NENHUM COMENTÁRIO