Pacotão e limpeza do nome da mãe deixam Wladimir à beira de um ataque de nervos

0

O já nomeado como “Pacote de Maldades” de Wladimir, com 13 projetos de lei, do prefeito, que anda à beira de um ataque de nervos, chegou à Câmara Municipal de Campos nesta terça-feira (25), provocando a reação imediatas das entidades comerciais de Campos, que emitiram uma forte Nota de Repúdio contra a tentativa de Wldimir Garoitnho de aumentar impostos municipais em época de pandemia, quando, ele mesmo, decretou o fechamento do comércio por várias vezes. Leia abaixo:Amarga colheita continua

Antes mesmo de ser posto em discussão, o seu “Pacote de Maldades” já provocou um racha no grupo que Wladimir imaginava obedecê-lo cegamente, o que aumenta a preocupação do filho de Garotinho em relação a estranha e pouco recomendada tentativa de aprovação da contas da sua mãe a ex-prefeita Rosinha Garotinho, rejeitadas em outra gestão seguindo parecer do TCE. Esse sim o seu maior objetivo, totalmente à revelia do bom senso e das leis, sem se importar com o enorme estrago que fará a sua imagem e as dos vereadores alinhados ao seu grupo.

Para garantir a votação a favor da pretensão da sua mãe Rosinha Garotinho, ele está usando de todos os meios. Os vereadores que não cedem a sua vontade são imediatamente punidos.

“No Diário Oficial (DO) de ontem (24) DAS ligados politicamente aos edis Igor Pereira (SD), Helinho Nahim (PTC) e Rogério Matoso (DEM) foram exonerados. Hoje, DAS indicados ao governo pelos edis Marcione da Farmárica (DEM), Thiago Rangel (Pros) e Anderson de Matos (Republicanos) devem ter o mesmo fim. Uma “limpa” do governo nos RPAs ligados a esses parlamentares também está no radar.” (Folha da Manhã/Blog Opiniões)

SAÚDE – O Pacote de Maldades de Wladimir Garotinho passa a foice na complementação dos servidores de Saúde cedidos ao Governo do Estado, E corta o abono de permanência dos profissionais com idade para se aposentar.

ALIMENTAÇÃO – Corta o auxílio-alimentação de R$ 200 para quem tiver o salário bruto de R$ 3.409,37.

ITBI – Aumenta o ITBI (Imposto sobre a transmissão de bens imóveis) de 2% para 3%.

AUMENTO DE TAXAS – O projeto altera as taxas de Fiscalização de Localização e Funcionamento; de Fiscalização de Transportes de Passageiros; de Fiscalização Ambiental; de Fiscalização e Vigilância Sanitária; de Licença para Execução de Obras Particulares; de Coleta de Lixo; e de Resíduos Sólidos de Serviços de Saúde.

O Pacote de Maldades de Wladimir prevê esses e outros intens.

NENHUM COMENTÁRIO