Galpão da Arte, da Femac Móveis, inaugura no dia 11 sua segunda exposição

0

A direção do Galpão da Arte, espaço de fomento à arte e cultura da Femac Móveis, finaliza os preparativos para abertura de sua segunda exposição, confirmada para iniciar no próximo dia 11, menos de um mês após sua abertura, no dia 12 de agosto. Trata-se da realização de um sonho do empresário Edvar Júnior, arquiteto de formação, que viu na carência de espaços públicos para exposições artísticas em Campos e na crise surgida com a pandemia do Coronavírus, a oportunidade de investir no antigo desejo, sem fins lucrativos para sua empresa.

– Campos possui artistas fantásticos, especialmente na área do artesanato, e a pandemia atingiu em cheio, também, esse segmento. Muitos desses profissionais estavam passando necessidades e em vias de abandonar a sua arte, porque a crise os deixou sem rumo. Como um apaixonado por arte, que sempre fui, era preciso dar nossa contribuição, e decidi abrir o espaço não só para exposições, mas também apresentações culturais – explica o empresário, destacando que “a variedade dos trabalhos é incrível, indo do crochê e macramê a peças em argila e material entalhado em madeira, fotografia, pintura, artes plásticas em geral, dentre muitos outros.

O Galpão da Arte, que funciona em 150m² de uma área da própria loja, é, até agora, o único espaço na cidade aberto pela iniciativa privada para exposição dos trabalhos não apenas dos artistas locais, mas também de municípios vizinhos.

Com curadoria de Edvar Junior e Elaine Emerick, a vernissage da segunda exposição está confirmada para 9h do próximo dia 11 (sábado), com um café da manhã aberto ao público e a presença dos seis artistas, dentre locais e da região. Em exposição, trabalhos dos grafiteiros Andinho e Jhony; Carla Almeida com sua “arte em ferro”; Thiago Leite, com Cultura e Arte Digital, e Ronaldo Araújo, com a sua Sketch Art (esboço), além das artes plásticas do pintor Paulo Vitor.

A exposição de abertura, do último dia 12, reuniu trabalhos dos artistas Yuki Satou, Isabelle Caldas, Daniel de Lima, Rodrigo Espinosa, Paula Amaral, Edmilson Leandro e Edinho Martins. Os trabalhos expostos no Galpão da Arte não ficam à venda e os interessados são orientados a entrar em contato com os artistas. Os dias e horários de visitação são os seguintes: de segunda a sexta, das 9h às 18h, e aos sábados, das 9h às 13h. A Femac Móveis funciona à Avenida Alberto Lamego, 973, Parque Califórnia.

NENHUM COMENTÁRIO