Bacellar volta à Câmara por força do TSE. Sai Cecília Ribeiro Gomes. Leia a decisão na íntegra.

0
Marcos Bacellar volta à Câmara em nova derrota para Garotinho

Os rosáceos liderados por Garotinho e Rosinha acumulam mais uma derrota em sua coleção. Sai Cecília Ribeiro Gomes, entra Marcos Bacellar

A ministra Luciana Lóssio, quem diria, antes de deixar o TSE deu uma alegria aos campistas, a quem tanto já decepcionou, deferindo a liminar que leva Marcos Bacelar (PDT) de volta à Câmara Municipal.

Nessa dança das cadeiras, Cecília Ribeiro Gomes levanta-se para o experiente Marcos Bacellar, desafeto do seu líder, sentar-se. Os rosáceos vão ter que digerir mais essa derrota.Liminar para assumir imediatamente

A alegação de intempestividade da Ação de Bacellar, que primeiramente teve o registro negado pelo TRE, foi recusada, com o Tribunal Superior Eleitoral TSE mantendo seu posicionamento de que a intempestividade não é reconhecida neste tipo de recurso, determinando o retorno do processo para a ser apreciado na 76ª Zona Eleitoral o que não aconteceu até hoje. O que fez a ministra Luciana Lóssio deferir a liminar para que Bacellar assuma a cadeira imediatamente. Atendendo assim o seu Pedido de Tutela de Urgência.

“Não se pode permitir que o prolongamento da marcha processual afaste o reconhecimento do direito ao exercício do cargo” (LL)

“Ante o exposto, defiro a liminar para determinar a validação e o cômputo dos votos recebidos por Marcos Vieira Bacellar para o cargo de vereador na eleição de 2016 no município de Campos dos Goytacazes/RJ.

Comunique-se, com urgência, ao Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro”.

Ministra Luciana Lóssio

Relatora

Leia abaixo a decisão na íntegra:

bacellar-1-x

 

bacellar-2-x

 

NENHUM COMENTÁRIO