Acordo pelo heliporto de Farol decola e utilização política e fake news despencam

0

O prefeito de Campos Rafael Diniz decolou um acordo com Petrobras com o modelo de concessão proposto pelo município para continuar operando voos no Heliporto de Farol, obrigando as fake News a fazer um pouso forçado…

Funcionando em área cedida a Petrobras pela prefeitura de Campos por 20 anos, desde 1984, o Heliporto de Farol de São Tomé foi alvo de uma negociação entre a Prefeitura Municipal de Campos e a estatal que frutificou uma solução que garantiu novo período de operações dentro da legalidade no modelo de concessão do município.

O acordo foi costurado entre o prefeito Rafael Diniz e a diretoria da Petrobras durante reunião na sede da empresa no Rio de Janeiro.

O gerente geral de Serviços de Suporte às Operações de E&P ratificou a decisão: “o processo, da forma como está proposto e conduzido pela Prefeitura, não trará prejuízos à Petrobras, e, portanto, não temos nenhuma objeção a fazer”.

Política do quanto pior melhor sofre derrota

O acordo entre a Prefeitura de Campos e a Petrobras  jogou por terra todas as tentativas de utilização política da negociação com a descarada utilização de fake news pelo grupo político rosáceo.

Segundo o prefeito Rafael Diniz: “Isso acaba mostrando a forma como outros vêm trabalhando, querendo o ‘quanto pior melhor’. Agora a gente continua com reuniões e tratativas para poder avançar e realizar esta concessão. Queremos manter o heliporto, que é um investimento importante para a Prefeitura, a Petrobras e nossa população, especialmente do Farol e da Baixada”.

NENHUM COMENTÁRIO