Garotinho teve alta apenas 24h após ser internado no CTI

0

Sempre espetaculoso, Garotinho, 24 horas depois de ser internado às pressas no CTI do caríssimo Hospital Quinta D’Or alegando fortes dores no peito, passou por exames que não mostraram problemas cardíacos, recebeu alta e já está em atividade frenética confirmando todas as reuniões marcadas em sua agenda: hoje em São João da Barra pela manhã, São Fidélis à noite, segunda-feira em Campos e quarta-feira no Rio de Janeiro.

piripaque-bolinha

Deve ter sido algum tipo de milagre do populismo messiânico da Lapa…

Muita pressão

Com fama de ser um hipocondríaco irremediável (sem trocadilhos), Garotinho parece estar sucumbindo à pressão da proximidade de novamente ser preso, já que está condenado a quase dez anos de cadeia e não conseguiu a anulação da sentença, restando poucas possibilidades de que consiga evitar a sua prisão em regime fechado ao fim dos recursos.

Além disso, parece estar vendo o cerco se fechar em outras investigações contra si e a esposa Rosinha.

Fatores que desencadearam o medo

Piripaque-garotinho-transf-para-prisao-x

Condenado a 9 anos e 11 meses de prisão em primeira instância por “comandar” o “escandaloso esquema” de troca de votos por Cheque Cidadão na última eleição municipal, Garotinho também foi preso outras duas vezes. A segunda, ainda no âmbito da operação Chequinho, aconteceu quando saiu a sentença do juiz Ralph Manhães, então responsável pela 100ª Zona Eleitoral de Campos. Novamente, o TSE revogou a medida. A última aconteceu em novembro do ano passado durante as investigações da operação Caixa d’Água, que apura um esquema de arrecadação de caixa dois para sua campanha a governador em 2014.

(Fonte Folha da Manhã)

Liberdade precária

Garotinho só está em liberdade por conta de um habeas corpus concedido por Gilmar Mendes, então Presidente da Corte Superior, durante o recesso judiciário.

Caiu na rede

As redes sociais não perdoaram mais essa rocambolesca história de Garotinho. Confira abaixo alguns dos comentários, entre os mais amenos, dos campistas.

piripaque-1

piripaque-2

NENHUM COMENTÁRIO