Após 10 anos, Rafael Diniz traz de volta os Jogos Estudantis

0
Juliana Alvarenga da Silva, aluna do Colégio Municipal Sebastião Ribeiro de Deus, conduziu a tocha e acendeu a pira olímpica

Durante 51 dias serão realizadas mais de 100 partidas em diferentes modalidades. Competição vai reunir 30 escolas e aproximadamente 2 mil alunos. Neste sábado (2), tem atletismo na 2ª Cia do Exército.

Depois de 10 anos, a tradição dos Jogos Estudantis de Campos (JECs) foi retomada. A solenidade de abertura aconteceu nesta sexta-feira (1º), no Ginásio do Instituto Federal Fluminense, campus Centro. O prefeito Rafael Diniz abriu oficialmente os jogos e destacou que os jovens são o melhor caminho para transformação da cidade e que o esporte, assim como a educação, é uma importante ferramenta de inclusão.

O prefeito Rafael Diniz abriu oficialmente os jogos
O prefeito Rafael Diniz abriu oficialmente os jogos

A solenidade foi aberta com o desfile das delegações das escolas participantes formadas pelos atletas e professores. Juliana Alvarenga da Silva, aluna do Colégio Municipal Sebastião Ribeiro de Deus, conduziu a tocha e acendeu a pira olímpica. Em seguida, Lucas da Silva Nascimento, aluno da Escola Estadual Leôncio Pereira Gomes fez o juramento do atleta. A cerimônia foi acompanhada ainda pela vice-prefeita, Conceição SantAnna; o reitor do IFFluminense, Jefferson Manhães; os deputados Soraya Santos e Geraldo Pudim; o comandante da 2ª Companhia de Infantaria, major Guilherme Bottrel; secretários e superintendentes municipais, o presidente da Câmara, Marcão Gomes e demais vereadores e familiares e alunos das escolas participantes.

Depois de 10 anos, a tradição dos Jogos Estudantis de Campos (JECs) foi retomada
Depois de 10 anos, a tradição dos Jogos Estudantis de Campos (JECs) foi retomada

— Ontem, completamos exatamente oito meses de gestão, de muita luta, de muita dificuldade, mas acima de tudo de muita fé e crença numa cidade cada vez melhor. Retomar os JECs foi um sonho meu e da minha equipe. Durante esse período, fizemos o que não fizeram em oito anos. Eram cerca de 1,5 mil atendimentos, hoje ofertamos esporte a mais de 10 mil pessoas, por mês. O esporte forma atletas e cidadãos compromissados com a verdade, com a família e com a construção de um mundo melhor. O município vive a pior crise da sua história, mas mesmo na ausência de dinheiro nós implementamos vontade política para fazer com que as coisas aconteçam. Assumi um compromisso que, com dinheiro ou sem dinheiro, os jogos seriam retomados. Com muita honra e assumindo um compromisso de que essa cidade já começou a ser transformada, acreditando no esporte e, acima de tudo, nas pessoas de bem, declaro aberto depois de 10 anos os Jogos Estudantis de Campos — ressaltou Rafael Diniz.

Ex-atleta e campeão mundial de natação, o presidente da Fundação Municipal de Esportes (FME), Raphael Thuin, falou da honra em resgatar e motivou os atletas. O evento é realizado pela fundação e a secretaria municipal de Educação (Smece).

— Me sinto honrado de poder ajudar a resgatar os Jogos Estudantis de Campos. Quando adolescente, participei de várias edições dos Jogos Estudantis de Campos, e como atleta sei como é importante e gratificante participar de um evento desse porte. Além de incentivar a prática esportiva, permite que os profissionais de educação física mostrem o que é desenvolvido nas unidades de ensino. Apesar de todas as dificuldades econômicas que o município enfrenta, e mesmo sem recursos públicos, não podíamos deixar de resgatar os JECs e lutar em direção a novos desafios — destacou Thuin que neste 1º de setembro, Dia do Profissional de Educação Física homenageou todos entregando placas à professora Dorinha Viana e o ex-técnico e diretor do Departamento de Esportes, Jacy Sales.

Durante 51 dias serão realizadas mais de 100 partidas em diferentes modalidades, como: futsal, basquete, handebol, vôlei, badminton, xadrez, atletismo, natação e tênis de mesa, em sete locais. Os Jogos Estudantis 2017 vão reunir 30 escolas e aproximadamente 2 mil alunos. Primeira competição acontece neste sábado (2), na pista de atletismo da 2ª Companhia de Infantaria.

Por: Jô Siqueira – Foto: Rafael Peixoto 

NENHUM COMENTÁRIO