Corrida aos postos de combustíveis em Campos

0

Filas intermináveis

Após quatro dias de greve dos caminhoneiros por conta da alta dos preços dos combustíveis, os campistas formaram longas filas nos postos de combustíveis da cidade para tentar encher os tanques dos seus veículos, temendo que o desabastecimento geral os deixem sem combustível para circular.

Muitos postos de Campos já estão fechados após esgotarem seus estoques de combustíveis.

Procon na rua

Equipes do Procon foram para a rua fiscalizar os postos para evitar que os preços sejam majorados em virtude da greve, e alguns postos foram autuados por estarem aproveitando-se da situação.

A Diretora da fiscalização do órgão, Lucylla Chagas, declarou que a gasolina está sendo vendida em média a R$ 5 e o etanol e o diesel a R$ 4. O Procon está analisando as notas fiscais de compra da mercadoria e as de venda para conferir se os postos estão repassando o valor de acordo com o aumento ou simplesmente majorando os preços devido à forte procura.

Ironicamente, os agentes do Procon ainda não sabem se haverá combustível nos carros oficiais do órgão para dar continuidade à fiscalização.

Greve continua

Na altura do km 75 da BR101, os caminhoneiros permanecem bloqueando os acostamentos nos sentidos da pista. Segundo a concessionária Autopista Fluminense, a fila chega a quase um quilômetro, mas o tráfego está livre.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) adverte que qualquer veículo que restringir o trânsito por conta do protesto receberá multas que podem chegar a R$ 5.689,40.

CEDAE pede economia de água em São João da Barra

A CEDAE emitiu um comunicado alertando a população de São João da Barra para que economize água, pois, devido aos bloqueios nas estradas, está havendo atraso na entrega de produtos químicos utilizados no tratamento da água nas estações operadas pela empresa, o que exige que os moradores economizem água até o restabelecimento do fornecimento dos produtos fundamentais para o tratamento.

Voos afetados

A Condenca informou que o Posto de Abastecimento de Aeronaves (PAA) da BR distribuidora não recebeu o carregamento normal de combustíveis, o que comprometeu o abastecimento para a aviação, não havendo combustível suficiente para um dia inteiro de voos no aeroporto de Campos.

Uber para 28 de Março

Na tarde dessa quinta-feira, os motoristas de Uber de Campos paralisaram a Avenida 28 de Março em apoio à greve dos caminhoneiros, levando caos ao trânsito e fazendo forte buzinaço.

1001 faz mudanças

Viação 1001 emite comunicado alertando que foi forçada a realizar mudanças de horários e cancelamentos de viagens por conta da greve dos caminhoneiros. Veja abaixo:

NENHUM COMENTÁRIO